Quem sou eu

Minha foto

Graduada em Processamento de Dados
Pós-Graduação em Gestão Estratégica de Negócios

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Sobre Cindy Crawford

Cindy Crawford aos 47 anos é e sempre foi uma mulher belíssima. Mesmo se não fosse famosa, dificilmente passaria desapercebida. Um dos rostos mais famosos no mundo da moda nos anos 90, ao lado de belas modelos como Linda Evangelista, Naomi Campbel e Cristhy Turlington ela inclusive é uma das modelos que aparecem no icônico clip de “Freedon” de George Michael. Além de modelo, tentou a carreira de atriz e foi apresentadora da MTV com sucesso, quando isto era muito importante. Sempre se dedicou também a promover eventos e instituições para angariar fundos para o tratamento e cura do câncer em crianças. A grande polêmica de sua vida foi seu casamento com Richard Gere, que durou quatro anos e que sucumbiu ao peso das especulações sobre as preferências sexuais do ator. Cindy se aposentou da carreira de modelo ainda em ótima forma, casou-se e teve dois filhos.

Na última semana foi publicada uma foto da ex-modelo sem retoques que foi tirada de um trabalho feito para a revista Marie Claire do México. Na foto, ela exibe uma leve barriguinha e as marcas que o tempo deixa no corpo de qualquer mulher. Aparentemente, fruto de um “vazamento”, a foto tornou-se viral e ganhou elogios de várias mulheres, entre elas a atriz Jamie Lee Curtis que parabenizou Cindy pela foto e comentou que é assim que uma mulher real se parece aos 47 anos. A revista Marie Claire declarou que a foto não foi utilizada em 2013, quando foi feita e que, fruto de um vazamento ou não, “retrata um corpo que dispensa explicações, é real, é honesto e é lindo”.
Acho que na era do “anti-anging”, envelhecer é algo que acreditamos que aconteça só com os outros e de depois de muito tempo. As mudanças que o tempo traz são insidiosas e impiedosas. Não é só a falta do vigor, do tônus, é a mudança do ritmo, é um longo processo de aceitação e negação. Nossa sociedade exalta a juventude e seus atributos e em nosso país sequer sabemos conviver com os idosos, já que o crescimento da expectativa de vida é recente. Aceitar a pátina que o tempo vai depositando em nosso corpo e rosto é um processo lento. Alguns ( homens e mulheres) se rebelam com vigor. As clínicas dermatológicas estão cheias de pacientes que se submetem a tratamentos com laser, preenchimento, botox entre outros. Os cirurgiões plásticos oferecem técnicas diferentes e minimamente invasivas para a reversão deste processo. A indústria farmacêutica aposta neste segmento e desenvolve produtos que prometem não apenas frear o processo como em alguns casos reverter alguns sinais e também oferecer melhor qualidade de vida, sem as dores reais e problemas inerentes aos efeitos da passagem do tempo em nosso organismo. É um campo que vai crescer bastante e que tem milhões de dólares investidos anualmente para o desenvolvimento de novos produtos.
E há o lado comportamental também. Para alguns, a chegada dos sinais ou a percepção de que eles estão ali é um choque imenso. A famosa “idade do lobo” também atinge mulheres. Algumas freqüentam o mesmo ambiente que as filhas e em grupo às vezes se comportam como adolescentes. Freqüentam baladas, namoram homens mais jovens, participam animadamente de eventos em locais que em seu próprio tempo não iriam e às vezes cometem excessos que seriam imperdoáveis até para as filhas. Tempo não é sinal de sabedoria. Mais triste que negar a passagem dos anos é a velhice ridícula. A foto de Madonna no Grammy deu o que pensar, não?
Envelhecer é inevitável, ninguém ainda encontrou a fonte da juventude, embora tenhamos muitos Ponce de Leon em vários campos de pesquisa. Envelhecer com sabedoria e qualidade de vida está ao alcance de todos nós. Se a publicação da foto de Cindy Crawford foi um vazamento autorizado, se ela está em paz com seu corpo, ninguém sabe porque ela não se pronunciou. Se o debate é válido, em minha opinião é sim, porque naturalmente é assim que o corpo de uma mulher de 47 anos , depois do nascimento dos filhos e tudo mais. Cindy Crawford também é conhecida por sua dedicação aos exercícios e ao cuidado pessoal. O desafio é se amar e amar o parceiro, porque eles também mudam. E o importante é ser feliz e estar bem com você mesma e com os outros. Estar bem  gera bem-estar.

Um comentário:

  1. Cindy Crawford está processando quem publicou sua foto pois foi fruto de roubo. Além disso, segundo ela a foto foi editada para mostrar marcas em seu corpo que ela não tem

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário: