Quem sou eu

Minha foto

Graduada em Processamento de Dados
Pós-Graduação em Gestão Estratégica de Negócios

domingo, 7 de setembro de 2014

Porque votarei em Aécio Neves


Minha decisão de votar em Aécio tem como base seu programa de governo e a realidade brasileira. Em meu post anterior disse que se José Serra tivesse sido eleito, não estaríamos passando pelo pior governo da história da República no Brasil. Caso seja eleito, enfrentará um duro período pela frente.

A herança maldita que receberá do PT é :
  • Máquina administrativa loteada;
  • A  maioria das contas públicas com rombos milionários;
  • O menor PIB dos últimos anos;
  • Empréstimos nebulosos no BNDS;
  • Pelo menos duas estatais em petição de miséria que é o caso da Petrobrás e da Eletrobrás;
  • Terá que investir pesado no setor de saúde pública que perdeu leitos e serviços graças a Tabela de Remuneração do SUS que não é reajustada desde 2007 e premia procedimentos de alta complexidade,mas importa menos cubanos;
  • Inflação;
  • Recessão técnica;
  • Ameaça de aumento dos índices de desemprego;
  • Estagnação econômica;
  • Obras inacabadas, em muito caso superfaturadas e algumas com graves erros de projeto ou execução;
  • Uma oposição virulenta e disposta a tudo para recuperar os privilégios perdidos;
  • Fundos de pensão com rombos bilionários.

Para cada um destes problemas, há no projeto de Aécio uma resposta condizente.Não há promessas ululantes que incluem até a antecipação de projetos que precisam ser dimensionados e parametrizados, caso contrário não funcionarão, como é o caso dos 10% do PIB  que deverão ser aplicados em educação. Adianta começar a aplicar este dinheiro em janeiro se não há ainda nem definição de currículo? Acho também que ele é capaz de unir uma base por projetos, já que tem experiência legislativa e executiva.

Dilma, Lula e Marina 
Além disso, a equipe que acompanhará Aécio é competente. Aliás, este atributo é reconhecido inclusive por Marina, que já falou que gostaria de governar com apoio dos quadros do PSDB. Acho esta afirmação de Marina um absurdo, uma tremenda contradição. Faz oposição agora ao partido que espera “empregar”?

Acho também que a eleição de Aécio é a última chance de tirar o Brasil da situação em que estamos. Penso que é hora do brasileiro por os pés no chão e separar discurso e bravatas da realidade. A hora é difícil, o momento é delicado e o paciente está começando a dar sinais de agonia. Não é hora para experiências. E é preciso lembrar que o próximo governo precisará zelar pelo diálogo. Não adianta afagar agora os representantes do agronegócio, que foram responsáveis por boa parte do crescimento da economia e daqui a pouco tornar a atividade impraticável. A preocupação e a defesa do meio ambiente é de suma importância, mas há projetos que são  uma questão de sobrevivência da sociedade.

E para os que apostam no governo atual, tenho um exemplo : Vamos supor que você tenha algumas empresas e contrate um administrador para zelar por seu patrimônio. Em pouco tempo, as empresas começam a gastar mais do que o normal com fornecedores. Depois, todas elas começam a ter problema de caixa e as dívidas triplicam. Quando você vê, todo seu patrimônio está comprometido. O que você faz? Dispensa seu administrador ou renova o contrato?

Um comentário:

  1. Ainda mais determinada a votar em Aécio depois do debate da CNBB. Falou o que todo mundo sabe e falou na cara. Isto é postura de quem tem caráter. Para mim, a resposta de Luciana Genro causou aquele tipo de constrangimento que a gente sente quando vê uma grosseria sem tamanho! E se de fato elanão é umalinha direta do PT, cadê a proposta para educação dela?

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário: