Quem sou eu

Minha foto

Graduada em Processamento de Dados
Pós-Graduação em Gestão Estratégica de Negócios

sexta-feira, 1 de agosto de 2014

Hermes e Renato


Senti profundamente a partida inesperada do humorista Fausto Fanti,do Grupo Hermes e Renato. Talvez pela pouca idade e por sua jovialidade, talvez pela  idéia que temos que os humoristas vão embora bem velhinhos, não sei a resposta ainda e talvez nunca saiba.

Conheci o trabalho do grupo através de meus filhos, que riam daqueles quadros malucos. Geralmente, quando ia checar, era algum quadro escatológico de um atropelamento ou de um desmembramento. Não conseguia entender o humor daqueles caras. Até o dia em que fui apresentada ao “Joselito, o sem noção, o que não sabia brincar”. Instantaneamente identifiquei alguns Joselitos que eu conhecia e a partir daí, assistia o programa deles com certa regularidade. Conheci o Padre Quemedo e o quadro infame dele tentando provar que o Filho do Diabo era uma fraude. Como não achar graça do Massacration, se eu tinha em minha casa um projeto de banda de metal? E O Barison, o metaleiro vagabundo?

Hoje li algumas declarações dos integrantes do grupo em que eles diziam que era um humor até meio ingênuo, de amigos que moraram e cresceram na mesma rua. Foi a época da ingenuidade em minha família também, quando a MTV ainda tinha uma grande relevância e meus filhos esperavam ansiosamente os lançamentos e especiais de suas bandas preferidas.

Confesso que não acompanhei o trabalho deles em outras emissoras e com o tempo, assistia os vídeos no You Tube esporadicamente. Mas acho que eles foram os primeiros a fazer humor sem bordões, a fazer graça das coisas pequenas que todos conheciam, das lendas urbanas, do inusitado, daquele cara que todo mundo conhecia e não tinha uma unanimidade na definição. Em tempos em que o nosso humor está um pouco americano demais, com os stand-ups e cia, eles foram bem revolucionários. Pais talvez sem querer da geração “Porta dos Fundos”, pelo sucesso que faziam no You Tube.

Que ele descanse em paz, talvez surpreso em saber que nos deixou mais pobres e saudosos, talvez com uma idéia genial sobre a situação. Mas que acima de tudo, ele e o grupo saibam que nos fizeram rir,que criaram tipos inesquecíveis e que somos gratos por termos recebido tanto! Deixo um vídeo de Joselito em dia de mudança, para alegrar um pouco "a parada".


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário: