Quem sou eu

Minha foto

Graduada em Processamento de Dados
Pós-Graduação em Gestão Estratégica de Negócios

segunda-feira, 14 de julho de 2014

Os caras mais legais do mundo

Ontem foi o Dia Mundial do Rock. Para quem acompanhou a maratona, o canal Bis ofereceu  um presentaço: “Charlie is my Darling”, documentário de 1965 que acompanha a banda em uma turnê pela Irlanda. Embora a preocupação maior deles fosse entrar e sair de teatros e correr das fãs, tem muita música boa e a interpretação deles era ótima.

É uma coisa incrível para quem gosta muito dos Stones ver algumas entrevistas e a maneira como eles interagiam com o público e entre eles. Uma das melhores partes é ver o nascimento de uma composição deles, com Keith ao violão a todo vapor e um Mick entediado, com uma visão bem própria da canção fazendo as letras. Muito do que aconteceu depois com eles você pode perceber que estava ali a semente, como em uma parte que Keith Richards pergunta a Mick se ele pensa que ele é Deus.

Há garotas e garotos na platéia, há pessoas saindo feridas, há um padre assistindo e falando da qualidade musical deles, há o Mick Jagger garotão com uma visão muito realista de seu papel; que é o de simplesmente entreter e a constatação que ele no palco era um personagem. Para a época, a afirmação que ele faz que há um toque sexual na relação da platéia com eles é extremamente ousada. E há musicas, as que gostamos de ouvir até hoje como “Time is on my side” e o hino de uma geração, “Satisfaction”.

Em uma entrevista concedida há muitos anos atrás, Mick Jagger considerou que ele e Keith Richards eram os caras mais legais do mundo.  Embora hoje sejam mais parceiros nos negócios que amigos, eles ainda são excelentes no que fazem. Juntos, eles revolucionaram o mundo, criaram grandes músicas, viveram grandes dramas e namoraram todas as garotas. Os Rolling Stones estão há mais de 50 anos na estrada e não tem que provar mais nada para ninguém, mas cada vez que assistimos a um documentário da carreira deles, como “Exile on Main Street”,  ou contextualiza uma música com a época, você se renova e quer mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário: