Quem sou eu

Minha foto

Graduada em Processamento de Dados
Pós-Graduação em Gestão Estratégica de Negócios

quinta-feira, 1 de maio de 2014

The Blacklist ou a série de James Spader

The Blacklist é ótima série. Ao final de cada episódio você mal pode esperar pelo próximo. Por mais que você saíba quem é Red Reddington, você quer saber mais ainda. Quais são seus segredos, por que Elizabeth Keen? Ele é o bad guy e ele realmente é muito mau.
Porém entra aí o fator James Spader. Ele é sem dúvida o responsável pelo sucesso da série. Escolhido na última hora ( os produtores queriam Kiefer Sutherland, que não estava disponível pois já havia se comprometido com a nova temporada de 24 horas) é hoje impossível pensar em outro ator para interpretar Red e o público simplesmente adora Red.
Quando o décimo episódio foi ao ar, duas coisas surpreendentes aconteceram: a série foi renovada para uma segunda temporada e Spader foi indicado ao Globo de Ouro. Vencedor em duas ocasiões, não levou a premiação em ano de Breaking Bad, mas não deixa de ser uma façanha.

                                          James Spader e Robert Downey Jr nos anos 80- Less than zero

Na entrevista que deu à revista Roolling Stones, Spader reveleu que tem Transtorno Obsessivo-Compulsivo, que acaba por facilitar seu trabalho e reconhece que é uma pessoa difícil para trabalhar.
Que ele continue a brilhar por muito tempo e que a série continue mantendo o ritmo! Provavelmente, o filme Avengers - Age of Ultron ( onde ele contracenará novamente com Robert Downey Jr) atrairá um público um pouco diferente, os que torcem por Ultron.
Para quem curte a série, este monólogo foi muito especial.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário: