Quem sou eu

Minha foto

Graduada em Processamento de Dados
Pós-Graduação em Gestão Estratégica de Negócios

sábado, 31 de maio de 2014

Hidratantes faciais para homens

Rapazes: não deixem para cuidar de sua pela quando os sinais de idade aparecerem. Embora a pele masculina envelheça mais lentamente que a feminina,  a prevenção é tudo, porque por volta dos 40, os sinais aparecem rapidamente.
Embora alguns homens ainda não gostem de passar cremes, cuidado é essencial. Procure um hidratante que melhor se adapte a sua pele, preferindo oil-free para peles oleosas. O mercado está cheio de lançamentos específicos para homens. Procure ler a composição do creme, uma vez que você pode comprar produtos similares por preços bem diferentes.É importante também que o creme tenha protetor solar.

Deixo aqui duas  sugestões de creme hidratante para o rosto:
 Natura Homem Hidratante Multifunção  1.5 pra homens
Produto muito interessante, pois acalma a pela após o barbear, tem filtro solar fator 18, ação antissinais  ( Chronos) e controla a oleosidade do rosto







           Nivea Men Originals Protector hidratante
           Alivia a pele seca, tem protetor solar e oferece hidratação de longa duração.

sexta-feira, 30 de maio de 2014

Livro da semana - Olhai os lírios do campo

Érico Veríssimo é um dos autores preferidos pelos jovens de minha geração. Sua obra maior é o "Tempo e o Vento", mas seu filho que eu mais gosto é "Olhai os lírios do campo". É um livro que a gente lê e depois vai relendo certos trechos no decorrer da vida.

"... Olhai os lírios do campo, que não fiam nem tecem.Eu contudo vos afirmo que ne Salomão, em toda sua glória, jamais se vestiu como um deles."
Este é um trecho do Sermão da Montanha, onde Jesus repreende os homens pela ansiosa solicitude pela vida. O personagem principal do livro é Eugênio, um rapaz pobre cuja família fez imensos sacrifícios para que ele estude e se forme em Medicina. Eugênio, no convívio com pessoas de maior poder aquisitivo, passa a se envergonhar da pobreza e busca o que ele acredita ser sua felicidade, junto às pessoas ricas.
Na faculdade ainda, ele conhece Olívia, moça pobre, que também se formou com dificuldades, mas abraça a carreira médica, dedicando-se aos necessitados. O amor entre eles nasce, amor verdadeiro, que Olívia demonstrará de várias formas a Eugênio, que a vida é nosso dom mais importante e que há um propósito maior. O livro fala sobre as ecolhas, os conceitos que criamos e nos dominam e da existência de um propósito maior.

Espero que você se encante nesta jornada!

quinta-feira, 29 de maio de 2014

Dori Caymmi

De vez em quando consigo assistir o programa “Sarau”, na Globonews, com Chico Pinheiro.  Esta semana consegui assistir o programa que ele fez com Dori Caymmi. Já tinha escutado algumas músicas dele, com aquele vozeirão e violão, como "O Porto" e "Alegre Menina". Em um dos segmentos, antes de tocar uma música, ele brinca com Chico Pinheiro, pedindo para ele não chorar. Mas quando ele tocou “Desenredo”, eu chorei.
Incrivelmente talentoso, vindo de uma família com uma sonoridade única, Dori possui uma carreira invejável, tanto nacional como internacionalmente, tendo sido premiado com o Grammy duas vezes. Além de tocar com grandes nomes do cenário nacional, entre eles Nana Caymmi, ele tocou em gravações e teve músicas gravadas por Sarah Vaughan, Sérgio Mendes, John Patitucci, Dave Grusin, David Benoi, Diane Reeves, Dionne Warwic, entre outros. Internacionalmente ele é considerado um grande músico de jazz. E por último, masnão menos importante, ele é filho de Dorival Caymmi, cujo centenário de nascimento está sendo celebrado este ano no Brasil.

Quando a intolerância torna-se religião

Não muito conhecida no Brasil, a Igreja Batista de Westburo  é uma igreja fundamentalista batista que nasceu em Topeca , em Kansas, nos Estados Unidos, fundada  por Fred Phelps. Importante salientar, antes de continuarmos que a Igreja Batista não reconhece a Westburo como associada ou afiliada.
As pregações na igreja são violentas, principalmente contra os homossexuais , a quem eles creditam o declínio moral dos EUA. Em cartazes que os membros ( graças a Deus, não mais que quarenta) exibem em protestos, boa parte deles realizados próximos aos funerais de soldados americanos mortos no Iraque ou Afeganistão, há frases como “Obrigada ao 11/09”, ou “ Deus odeia bichas”. Os protestos acontecem perto dos funerais são justificados pela morte em combate por uma “nação de sodomitas”. O pastor Fred Phelps faleceu em 19/03/2014, não sem antes ter sido excomungado por pregar “uma aproximação” mais suave com as pessoas.


Classificados como um “grupo de ódio” e monitorados por outros grupos, eles pregam basicamente que todos aqueles que não vivem como eles vão para o inferno. Não há uma palavra de amor, de comunhão, de amparo, incentivo à caridade em nenhum de seus sermões e eles são considerados “as pessoas mais odiadas da América” e algumas vezes são agredidos nestes protestos, onde eles levam crianças. Eles protestaram inclusive na cidade em que Steven Jobs foi enterrado.

Distante de qualquer mensagem cristã, este grupo provavelmente está fadado ao desaparecimento, como outros de mesma natureza antes dele sumiram. Deus está onde há amor, esperança e caridade e a mensagem de Jesus Cristo é bem diferente do que se prega lá dentro. As vezes, o mal que se aponta nos outros é aquele que habita nossos corações.






quarta-feira, 28 de maio de 2014

Sugestão de músicas - iTunes Brasil

Bem, pouco a pouco vamos inovando nosso espaço. Agora você pode baixar músicas, aplicativos e livros nos links Apple que estão a sua disposição em nosso blog.
Até a semana passada, algumas das músicas mais baixadas no Itunes eram:


Música
Intérprete
Happy
Pharrel Willians
A Sky full of stars
Coldplay
Summer
Calvin Harris
Love never felt s…
Michael Jackson and Justin Timberlake
All of me  
John Legend
Magic
Coldplay
Rather be
( feat. Jess Glyne) – Clean Bandit
Dark Horse
Kate Perry
Mr Probz
Waves
Problem
Ariana Grande

     

Rio 2016 - Você está fazendo seu melhor?

Protestos. Neste momento de indignação nacional, pelo menos nos resta protestar. E há protestos em quase todas as cidades do Brasil, no Facebook, no Twitter, nos e-mails que recebemos, fala-se sobre os problemas com saúde e educação, os gastos milionários da Copa, que ontem foram incendiados pela cândida declaração da filha do Havelange, que afirmou “que roubaram tudo o que tinha para roubar”.
Acho que agora é hora de sermos pragmáticos: Apresentar ao Ministério Público, através do Senado pedido para que se conduza uma investigação detalhada sobre estas obras, em conjunto com o TCU, que já tem várias auditorias em curso. Finalizada a investigação, processo e pedido de devolução de todos valores desviados. Vai demorar, mas chegaremos lá. Provavelmente, muito deste dinheiro será repatriado.
Quando pergunto se você está fazendo o seu melhor, na verdade pergunto a mim mesma e a todos o que estamos fazendo de concreto para evitar um novo rombo nas Olimpíadas em 2016. O Comitê Olímpico Internacional já veio ao Brasil, disse que tudo está atrasado, que a situação é crítica e que há muitos atrasos. Alguém sabe me dizer quanto já foi gasto? Quem faz parte do comitê? Como estão sendo tocadas estas obras?

terça-feira, 27 de maio de 2014

A fronteira Acre e Peru e o drama dos imigrantes ilegais


Quando escrevi o post "Haitianos em São Paulo" em 25/04/2014, sobre a "terceirização em massa" que o governo do Acre fez dos haitianos para a Igreja Católica em São Paulo, uma das minhas preocupações era o que estava por trás desta chegada dos haitianos, quem os trazia e como.
Em reportagem hoje do Jornal "Folha de São Paulo", foi apurado que "coiotes" trazem estas pessoas através do Peru e cobram U$ 4.000 ( R$ 8.800,00) por pessoa. A reportagem relatou que as condições são semelhantes a travessia México-USA, porém em condições ainda mais desumanas.
Ao que parece, o mesmo corredor usado para entrada de imigrantes ilegais, inclusive africanos é o usado para entrada e saída de drogas.
Ficam aqui algumas constatações:

Gerenciando uma pequena empresa

Você foi contratado para o cargo de gerente em uma pequena empresa! Primeiro vem a alegria pela oportunidade. Conhece a estrutura do negócio, o mercado, tem boas idéias e está com energia de sobra para fazer a coisa funcionar e o proprietário ou seu superior imediato quer resultados. Tudo a favor? Nem sempre.
Preste bastante atenção no ambiente, na equipe e no comportamento dos proprietários da empresa na fase de levantamento de dados. Procure saber como a empresa nasceu, quais obstáculos ela enfrentou, como ela se saiu de cada desafio. Procure entender como pensa o proprietário, o que para ele é administrar, qual a função da empresa o que ele espera dela.
Você perceberá que muitas pequenas empresas tem potencial para crescer e perceberá também que boa parte dela tem problemas crônicos. Os principais são :
- Falta de separação entre o que é da empresa e o que é particular.
- Desorganização do departamento financeiro, uma vez que ele paga muitas vezes as contas da empresa e do proprietário.
- Falta de orçamento, planejamento e de provisão financeira para despesas ou investimentos.
- Descaso com o faturamento, com o atendimento ao cliente ou marketing. Que muitas vezes é confundido com patrocínio.
- Os maiores e melhores clientes são atendidos diretamente pelo proprietário ou somente ele tem acesso a informações vitais da empresa.
- Desconhecimento do fator “custo” para formação de preço.
-Desconhecimento do sistema tributário em geral.
- Remuneração baixa ou pouco atrativa para atrair talentos, não pagamento ou imposição de metas impossíveis de serem atingidas aos vendedores.
- Estoque: ou compram demais ou de menos.
- Você não matará apenas um leão por dia: vai precisar matar o primo do leão,o amigo, os parentes...
Tenha um diálogo aberto com seu chefe, faça projeções, faça dele seu maior aliado. Por mais energia que você tenha, procure abordar os problemas de forma gradativa. A comunicação tem que ser transparente e direta, impedindo interpretações. Ao perceber que o discurso é o mesmo, as “eminências pardas” vão perdendo seu papel. E sobretudo, tenha muita paciência e não sucumba a vontade de fazer você mesmo determinadas tarefas. Se mesmo depois disso tudo, de oferecer resultados concretos você continuar a ter os mesmos problemas, não ache que o problema é você. Esta é a realidade diária de pessoas em cargos de chefia em empresas familiares ou pequenas no Brasil inteiro! Além da falta de profissionalização dos proprietários da empresa, estes são os principais fatores que explicam o curto ciclo de sobrevivência de empresas no país e a famosa constatação, morreu o dono, acabou a empresa.

segunda-feira, 26 de maio de 2014

Vantagens em mudar e vantagens em não mudar

Após a divulgação da pesquisa Ibope de intenção de voto, dando vitória em primeiro turno à Dilma (neste ponto devo dizer que elas pouco me importam), fiquei me perguntando o que influenciou esta ascensão. As indignações não param de crescer, nenhum número positivo para economia, muito pelo contrário, então conclui que foi a famigerada “campanha do terror” que deu frutos.
A insegurança do eleitor é grande, principalmente dos que não tem voz, dos que não sabem seus direitos, dos que involuntariamente tornam-se massa modelável ao gosto de pessoas inescrupulosas. Resolvi fazer minha tradicional listinha das vantagens em fazer e vantagens em não fazer, que sempre faço diante de uma decisão difícil. Acho que é um modelo bem racional e sempre me ajudou até aqui. As vantagens em mudar são baseadas nos discursos da oposição, tanto de Eduardo Campos como de Aécio.

Vantagens em mudar
Desvantagens em não mudar
Presença de pessoas mais qualificadas em cargos de decisão (Ministérios)
Diminuição da máquina governamental ( temos 39 ministérios!!!)
Demissão de pessoas ligadas a partidos políticos em todos os órgãos e empresas do governo
Suspensão de investimentos e mudança na política externa em relação a países como Cuba e Venezuela
Responsabilidade tributária ( não gastar mais do que arrecada)
Relações diplomáticas visando o melhor ao Brasil, independente de ideologias mortas, com países que respeitam os direitos humanos
Independência em relação a atual base governista e a troca de votos por cargos estratégicos
Decisões tomadas em estudos mais detalhados a curto, médio e longo prazo ( Exemplo: desconto de 20% na tarifa de energia e aumento de30%)
Menor interferência na economia
Manutenção do bolsa-família como política de estado, para que nunca mais ninguém possa usar este programa como “arma eleitoral”
Respeito às instituições
Recuperação da Petrobrás
Recuperação da política econômica através de ajustes pontuais e setoriais, que já deveriam ter sido feitos gradualmente nos últimos 4 anos
Acompanhamento das obras para as Olimpíadas em 2016, evitando os desvios e superfaturamento esta gastança desenfreada, e  todas obras inacabadas que estão sendo entregues.
Atenção à infra-estrutura, principalmente no escoamento da produção agrícola.
Respeito ao Orçamento

Como vocês podem ver, a coluna da direita ficou vazia. Se alguém tiver alguma sugestão para que eu possa incluir nesta coluna, eu agradeço de antemão. Eu acho que as decisões que devemos tomar  podem ser influenciadas , mas não podem ser decididas pelo medo.O medo é uma reação, a decisão é uma ação.


sexta-feira, 23 de maio de 2014

O Morro dos Ventos Uivantes - Wuthering Heights



Pode o amor superar todos os obstáculos, inclusive a morte? Duas pessoas podem dividir a mesma alma? Perguntas intrigantes que fazem de “O Morro dos Ventos Uivantes” , único romance de sua escritora Emily Brontë, um dos livros mais populares do mundo.

Em um local isolado da Inglaterra, Earnshaw, um senhor de antiga família volta de viagem e traz um menino, encontrado nas ruas de Liverpool, “uma carga tão escura como se acabasse de sair da casa do diabo”. Esta é a primeira descrição de Heathcliff.  Ele e Catherine Earnshaw se aproximam e vivem uma infância selvagem em meio as desolações de uma casa triste e assolada por escândalos, após a morte do patriarca e a ascensão de Hindley, irmão de Catherine, que rebaixa Heathcliff a posição de criado. A partir deste ponto, desenvolve-se uma história de amor que durará até o final da vida de ambos e continuará mesmo após o fim, envolvendo outros personagens, inclusive  Catherine Linton e Hareton Earnshaw.

A família Brontë mudou-se para Haworth, no condado de Yorkshire, onde o pai assumiu como pároco a igreja local. Emily e suas irmãs Anne e Charlote tornaram-se escritoras, sendo Charlotte a mais famosa delas, autora de “Jane Eyre” e “O Professor”. A região era um tanto isolada na época e a família tinha sérios problemas com Patrick, o irmão alcoólatra,que morreu precocemente vítima de uma vida de excessos e de tuberculose. Muito do ambiente sombrio e tenso retratado em “O Morro dos Ventos Uivantes”  é fruto das constantes discussões de Patrick com seu pai. De personalidade reclusa e muito tímida, Emily seguiu a irmã até a Bélgica, voltando em seguida para Haworth, onde gostava de caminhar e ler. Morreu de tuberculose aos 30 anos, sem conhecer o sucesso de seu livro. Anne morreu também vítima de tuberculose em 1849 e Charlotte, vítima da mesma doença faleceu em 1855. Especula-se que a água consumida na residência estivesse contaminada pela proximidade com o cemitério, já que os irmãos morreram da mesma doença. Além de “O Morro dos Ventos Uivantes”, deixou também um livro de poesias.

O livro é denso, com passagens tocantes e diálogos profundos, tendo causado certo escândalo na época de sua publicação. Mas certamente narra uma história tão forte, com personagens tão complexos e apaixonantes que muitas pessoas o tem como livro preferido e o guardam pela vida. Ao terminar a leitura, tem-se a impressão que você estava naquele lugar e foi testemunha de todas as histórias contadas por Elen "Nelly"Dean, ao pé da lareira.
                                                                 Paisagem de Haworth

Nos anos 70, Kate Bush fez estrondoso sucesso com a música "Wuthering Heights", onde ela assume o papel de Catherine. Segue o link da música .  
                                                                                          

                                                "Let me have it, let me grab your soul away..."
Legendas:
Foto 1: Casa que pode ter inspirado o cenário de "O Morro dos Ventos Uivantes" em 1920
Foto 2: Estado atual da casa
Foto 3 : Casa paroquial em que a família Brontë viveu em Haworth


quinta-feira, 22 de maio de 2014

Alguns homens bons

Pontual e muito interessante o discurso do Senador Pedro Simon PMDB-RS hoje no Senado. Chamando atenção para fatos como a crise na Petrobrás, a CPI no Senado, a falta de debate de projetos que são apresentados no Congresso e sancionados pela Presidente em ano eleitoral, o caos vivido em São Paulo nos últimos dois dias, a falta de liderança, enfraquecimento das instituições, a raiva que se sente na população, Copa e disputa eleitoral, falou como um político que vivenciou as épocas negras da história do Brasil e colocou a união e o debate como as únicas soluções possíveis capaz de evitar este clima de quase ausência de governo no país.
Relembrou a chegada de Itamar Franco ao poder e a reunião que foi convocada com os líderes de todos os partidos, para a divisão de responsabilidade em um momento extremamente turbulento. Pediu que a Presidente faça o mesmo, que o Congresso exerça seu papel com responsabilidade,não votando nenhum projeto que acarrete mais despesas ao Orçamento. Que a campanha política seja feita com responsabilidade e que haja união e urbanidade durante o período da Copa, uma vez que a imagem que se tem do Brasil no exterior é de violência e turbulência política.
Sobre a crise na Petrobrás, que não é invenção da mídia, que é real. Disse que a empresa sairá fortalecida e que o próximo presidente tem que vetar a participação de políticos na administração e em cargos de direção na empresa.Falou também sobre a campanha do medo vinculada pelo PT, como se tudo o que há de bom no Brasil fosse fruto do governo petista e tudo o que há de ruim fosse responsabilidade dos governos anteriores. Alertou que este tipo de campanha é daquele que se sabe onde começa, mas nunca onde vai terminar.

Um homem bom falando para um plenário quase vazio. Quem neste momento é capaz de identificar a razão e ouvi-la?

Veja esta canção





“Veja esta canção que existe dentro de mim...” Esta é uma das músicas que mais gosto de Milton Nascimento. É pura poesia em forma de música, e na voz de Milton é angelical.
Milton Nascimento dispensa  apresentação, adjetivos ou explicações.A gente sente, o tempo todo, aquilo que ele canta. Um rio, montanhas e um trem, segundo os amigos é um tema recorrente na música dele, mas leva a gente junto.

Vindo de Três Pontas  onde começou sua parceria com Wagner Tiso, passando por Belo Horizonte, onde conheceu Lô Borges e Beto Guedes entre outros que formaram o "Clube da Esquina", vindo parar São Paulo até a consagração nos festivais no Rio de Janeiro com a música Travessia, Milton foi mostrando aos poucos o grande talento que é. Sua carreira internacional teve parcerias com Fito Paez, Wayne Shorter, Ron Carter, James Taylor e Paul Simon. Também serviu como inspiração para os discos e a formação do “Earth, Wind and Fire”.
Vencedor do Grammy em 1997, como melhor álbum estrangeiro, são suas músicas inesquecíveis como “Travessia”, “Coração de Estudante”,” Mara,Maria”,” Caçador de mim”, “Canção da América” da, são tantas e tão inesquecíveis, prova de um talento nato, próprio e impar em nossa cultura.

Com um humor bem próprio e muita timidez, aos 72 anos, continua cantando e encantando platéias diversas. Temos muita sorte em ter um brasileiro com tamanho talento. Que ele tenha muita saúde e disposição para a cantar e encantar cada vez mais!

Segue aqui o link de "Veja esta canção", composta por Milton e Fernando Brandt:



quarta-feira, 21 de maio de 2014

Sobre a antecipação da maioridade e o justiçamento

Nos últimos dias temos sido bombardeados por notícias escabrosas que há muito tempo não se ouvia.Como elas chegam em sequência e em destaque, a impressão que se tem é que é uma onda, que vai bater a nossa porta a qualquer momento. São os movimentos de turba, quando o homem  despe-se de sua única diferença com os animais, que é o raciocínio e consegue ser pior do que eles.
Ninguém pode tomar em suas mãos o papel de acusador, juiz e carrasco.Não cabe a nós este papel.Existem instituições e leis para isto. Porém, as instituições estão enfraquecidas, as leis não são cumpridas e a sociedade está farta do papel de vítima. Fala-se sobre a antecipação da maioridade penal, que dificilmente ocorrerá, porque é necessário que se conclua se o artigo 228 da Constituição de 1988, faz ou não parte dos Direitos e Garantias Individuais, que é Cláusula Pétrea, ou seja, não pode ser alterada por Emenda. Porém antes de refazer a Constituição e alguns oportunistas querem isto de maneira ferrenha, é preciso verificar as leis que já existem e alterá-las no que for possível.O Estatuto da Criança e Adolescentes - ECA é uma dessas leis. 
O curioso é que ele prevê penas específicas para o adulto que induz ou explora atividade criminosa praticada por crianças. Quantas vezes esta norma é aplicada? Até mesmo o agravamento de penas? O adolescente que mata é recuperável?  Se há previsão de pena de internação por crimes que se repetem, por que tem tantos adolescentes na rua, que acabam por cometer crimes contra a vida em liberdade? Nestes casos, não seria melhor que o adolescente começasse a cumprir pena em instituição diferenciada e depois cumprisse em presídios? E por que construir presídios no Brasil é tabu? Se a criminalidade cresce, a população também, por que não construí-los?
Repetidamente, vemos ações espetaculosas: polícia subindo morro com exercito, troca de tiros, apreensão de armas exclusivas das Forças Armadas, grande quantidade de drogas, etc. Como tudo chegou lá? Depois a polícia desce, o exercito vai embora, mas quem mora lá não tem para onde ir.
Os crimes cometidos pelos ricos, pelos políticos são exaustivamente investigados. Sabemos até o tamanho da cela onde eles ficam. E os demais, são investigados? Os mandados de prisão são cumpridos? Como está a implantação do  Cadastro Nacional de Criminosos,? Há projeto de criação do banco de DNA de criminosos para comparação e investigação de crimes? Nos EUA, após a implantação do Codis e do NDIS, a polícia conseguiu identificar autores de crimes cometidos há mais de 20 anos.Há cruzamento de informações? Se é possível instalar sistema de biometria na Justiça Eleitoral para evitar fraudes nas eleições, porque este sistema não pode ser instalado para coibir a fuga de criminosos?
Exemplo neste país é a Receita Federal, que consegue cruzar dados inimagináveis para identificar e processar os sonegadores de impostos e que tem projeto para identificação em aeroportos. Precisamos utilizar este know-how em outros setores!
É preciso repensar a estrutura policial, valorizar a investigação, investir na formação de investigadores, remunerar policiais de forma digna, uma vez que eles colocam sua vida em risco, muitas vezes sem preparo, em situações absurdas,  e muitas dessas situações são causadas por políticas equivocadas de combate a violência e tráfico de drogas, verificar o uso das ações de impacto e dar continuidade ao trabalho de formiguinha do dia a dia. A lei é para todos mesmo, para quem furta um carro e para quem desvia recursos, sem distinção.



terça-feira, 20 de maio de 2014

Escola de pais - Parte II

Dando seguimento ao post de ontem, continuo dando minhas opiniões, além de algumas, entre muitas que recebi por e-mail. Agradeço de coração a cada uma delas!
- “Um exemplo vale por mil palavras”. Se não quer que ele minta, não minta para ele ou na frente dele. Se quiser que ele seja honesto, tenha sempre uma atitude honesta diante da vida.
-O que muitos entendem como “ter opinião” não é ter um filho ou filha que não reconhece autoridade, que fala com os pais como se fala com qualquer um da turma deles. É preciso ensinar a respeitar os pais, os mais velhos, os professores. Se seu filho ou filha não aprender isto dentro de casa, aprenderá com a vida, que é uma professora cruel.
- Criança não decide uma porção de coisas, quem decide são os pais por ela. O ato de decidir não precisa ser ditatorial, sofrido, converse com seus filhos, explique porque você está  tomando esta decisão e as conseqüências.
- Converse com seu filho. Desligue a televisão e passe mais tempo com ele. O assunto pode ser algo que você viu na televisão, que aconteceu no seu trabalho. Incentive seu filho a colocar o ponto de vista dele, pergunte o que ele faria.Você o  estará preparando para tomar decisões sem sofrimento.
- Não há vergonha alguma em não poder dar o melhor celular, a melhor roupa, o melhor brinquedo. Incentive seu filho a ter e a reconhecer valores. O mundo te agradecerá!
- Como disse Eça de Queiroz em “os Maias”:”Eduque seu filho para que ele não faça algo por temor à lei ou à religião, mas por amor a virtude. “
- Incentive seu filho a falar a verdade, a ter bons amigos, a terminar aquilo que começa, a valorizar as pessoas pelo o que elas são. Cuidado com as amizades, com o tempo que ele passa fora de casa. Procure conhecer os amigos de seu filho, as famílias desses amigos.
-Procure ter tempo com qualidade ao lado dele e não se esqueça que eles crescem rápido, que tudo é passageiro.
Acho que o projeto “Escola de Pais” que é desenvolvido em algumas igrejas é fundamental em nossa sociedade e deve ser copiado e melhorado, independente de religião. Acho até que deveria ser incorporado nas escolas, por exemplo no programa “Amigos da Escola”. Entre tantas informações que recebemos, falta referencial.É preciso que nos apoiemos um pouco para que possamos educar nossos filhos da melhor forma possível e fazer deles indivíduos independentes.








segunda-feira, 19 de maio de 2014

CPI Mista já!

Para levar a investigação da operação Lava-Jato para o Supremo e lá ficar paralisada até depois das eleições. Este foi o motivo pelo qual o Deputado Vargas - PT não renunciou. Os presos foram soltos, o Paulo Costa não será chamado a depor na CPI do Senado e fica tudo como está.
Simples assim!
Esta decisão foi vergonhosa e os resultados serão um tapa na cara do povo brasileiro, que mais uma vez sofrerá os efeitos dos demandos do Governo.
Humilhante, porque está provado que trata-se de uma quadrilha, muito bem organizada, que vilipendiou a Petrobrás, com várias ramificações, inclusive no Ministério da Saúde.
Um retrocesso e uma prova que temos poucos homens de bom-senso e de caráter nos cargos mais altos deste país.
A história julgará este e outros atos caninanos, contra os que trabalham, os que tem moral, os que estão indignados por pagar tantos impostos e receber em troca serviços de má-qualidade, os que acreditam na retidão e na justiça.
Mais uma vez gostaria de lembrar que este governo que está aí foi eleito de forma democrática. Pensem bem antes de repetir a dose.
Depois se perguntam porque o povo anseia por mudanças!

Atualização 21/05/2014 : O que está em jogo agora que a decisão foi revogada é que as ações e investigações estão paradas até que o Ministro faça todas as consultas. A OperaçãoLava-Lato é de fundamental importância para sabermos o que acontece dentro da Petrobrás e sanar estes desvios. Já foi apurado que grande parte do dinheiro arrecadado com contratos com sobrepreço e superfaturados foi destinado ao financiamento de campanhas políticas. A CPI mista é oúnico instrumento neste momento para dar andamento as investigações.



Escola de pais - Parte I

Este post envolve temas bem distintos, então vou dividi-lo em duas partes. No final de segundo, vou falar mais sobre Escola de Pais, que é o fundamento deste post. A segunda parte será publicada amanhã.
Tenho pensado bastante no significado de ser pai e mãe ultimamente. Creio estes pensamentos foram desencadeados um pouco pelo o que a gente tem visto na mídia e um pouco pela convivência com amigos, que tem filhos pequenos e adolescentes.Lembro-me que quando estava grávida de meu primeiro filho e eu fui mãe aos dezoito anos, costumava conversar com meu marido sobre a melhor maneira de educá-lo. Tínhamos um monte de teorias, como por exemplo, falar não só em ocasiões drásticas. Até ele completar um ano, ele tinha quebrado uma porção de coisas pela casa. Quando falamos não pela primeira vez, ele chorou, na segunda, ficou fulo, na terceira desafiou, na quarta, conheceu o “cantinho do pensamento”.Algumas teorias deram certo, outras não, mas no final tudo se encaminhou. Uma coisa que me intriga é que eu tinha dezoito anos (terminei o ensino médio 03 meses depois que ele nasceu) e o pai dele tinha 20 anos, fez 21anos 15 dias depois do nascimento dele, mas tínhamos um projeto e tínhamos escolhido que educação seria o ponto principal.
Se você quiser ser um advogado, vai se preparar durante um bom tempo para isto, mas para ser pai, não. Qualquer um pode ser pai.Você pode comparar com sua educação e decidir fazer tudo igual ou diferente ou adaptar algumas coisas, mas a estrutura da família mudou há tanto tempo! Quantas mulheres hoje em dia tem a responsabilidade de educar seus filhos sozinhas, trabalhando e ganhando pelo menos 30% a menos que os homens? Aliás, conforme a psicóloga Rosely Sayão diz, há uma diferença muito grande em “criar” e educar filhos.
Educar um filho é um processo contínuo, onde muita coisa vai mudar, outras não. Tem algumas coisas que servem de âncora e vou citar algumas. Não pretendo de forma alguma achar que tenho todas as respostas, que sou especialista. Sou uma mãe, só isso, que concorda em discordar, mesmo porque, como um amigo meu me disse “ quando a gente  acha que tem todas as respostas, vem a vida e faz uma pergunta diferente. Mas mesmo assim, deixo aqui algumas opiniões:
-Mesmo quando o filho vem inesperadamente, é preciso ter um projeto e saber que você será responsável por uma vida durante muito tempo. Quando tudo ficar difícil, lembre-se do projeto.

-Não importa se o casamento acabou, a família continua. Se você tem um relacionamento com alguém que já tenha filhos, pense muito bem se você está preparado(a) para a responsabilidade antes de levar adiante o relacionamento. Os filhos estão em primeiro lugar e depois não adianta querer inverter a ordem.

-Educação em primeiro lugar, sempre!

- Acompanhe o desempenho de seu filho na escola. 

-Você pode e deve ser amigo de seu filho, mas uma criança precisa saber que tem pai e/ou mãe, que eles vão elogiar e repreender. É preciso estabelecer limites.A criança que não tem limites tende a tornar-se um adulto inseguro.

Amanhã continuamos a desenvolver este post. Até lá!

Abraços


domingo, 18 de maio de 2014

O grande Lebowski

Ontem assisti mais uma vez este filme, " O Grande Lebowski". Muito inteligente e muito divertido, com elenco de primeira, direção e roteiro dos irmãos Coen. Estava com saudades do "The Dude", interpretado por Jeff Bridges que está impagável,  e de seu time de boliche. Vale a pena assistir de novo!

sábado, 17 de maio de 2014

Sobre animas, principamente sobre um cachorrinho muito especial

Petras ao chegar em casa

Nunca tive um animal de estimação. Minha família era numerosa e meus pais não queriam aumentar a bagunça. Meu irmão mais novo tentou ter vários animais, inclusive uma pomba, mas nenhum ficou muito tempo.Depois que meus filhos cresceram, passei a ter uma vontade louca de ter um cachorro e um dia, meu filho mais velho apareceu em casa com um filhotinho que ele encontrou na rua, tão maltratado que eu acreditei que ele morreria durante a noite. Ele tinha cerca de 40 dias, pesava 600 gramas e estava com sintomas parecidos com cinomose. Na verdade ele tinha vermes, estava com fome e tinha erliquiose.
Hoje ele é um companheiro e tanto para todos nós. Extremamente esperto, carinhoso e cheio de manhas, como por exemplo reconhecer o entregador de pizza quando a moto está virando a esquina e me avisar quando o entregador de água chega. Além disso, ele nos “defende” o tempo todo, zela pela segurança da casa e adora passear.Eu acho que ter um animal de estimação transforma você em alguém melhor, porque eles amam incondicionalmente. Você recebe muito mais do que dá. Ele sabe quando estamos tristes, quando tem surpresinha e alegrou os últimos dias de vida do meu pai.Vendo ele hoje eu me pergunto como alguém teve coragem de abandoná-lo daquela forma, mas sou muito grata a esta pessoa, pois foi assim que a alegria, com quatro patinhas, entrou em minha casa pela porta da frente. Em tempo: Estamos procurando uma namorada para ele!

                                                                  Petras com 5 anos

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Ressurection - Ressurreição



Achei intrigante a série exibida pelo Canal AXN às quintas e tenho assistido todos os capítulos, tentando encontrar as respostas para tantas dúvidas que aparecem a cada novo eposódio. Como sou muito curiosa, comprei o livro, que achei surpreendente.
Como na série, os mortos voltam, porém não só em Arcadia, mas no mundo inteiro. São os Ressurgidos. E assim Jacob acorda na China e é trazido para casa pelo Agente Bellamy.
Ressurection na verdade, é uma história sobre o amor, sobre a dificuldade que temos em aceitar a perda, sobre o medo do desconhecido,sobre a família, sobre a importância do presente e o tempo certo para tudo.
A série se afasta bastante do livro, então um não revela o outro. Boa leitura!

quinta-feira, 15 de maio de 2014

Manifestações nas ruas

Muito positiva as mobilizações que ocorreram  hoje nas ruas das principais cidades do Brasil! Pessoas reinvidicando seus direitos, expondo seus problemas, denunciando o que está errado, querendo mudanças.
É direito do cidadão se manifestar, de forma pacífica. O que está errado é que um pequeno grupo chega, se apropria do movimento e passa a agir como vândalos, como marginais. Destruir o patrimônio público e privado, colocar vidas em risco não é protestar, é calar pela violência. E o impressionante é que são os mesmos, sempre!
Já se sabe que trata-se de grupos organizados, mantidos e mobilizados por terceiros, que não tem interesse nenhum em defender causa alguma, senão a da violência e mais uma vez vilipendiar o direito de expressão do cidadão. Essas ações são indefensáveis e não trazem benefícios a ninguém.
Ações indefensáveis e nefastas foram também as que ocorreram em Pernambuco. Saquear é roubo, que é crime e que deve ser investigado, os culpados presos e os prejuízos ressarcidos.
Para mudar, não é preciso destruir tudo, pelo contrário, é preciso reciclar, transformar algo ruim em algo bom e isto acontece através do diálogo e do trabalho.
"O seu direito termina onde começa o direito dos outros"


Flor de laranjeiras

Ganhei de presente e adorei a fragrância! Muito refrescante! Cheirinho de cidade pequena!

A tática do medo e as estratégias da oposição

Após a divulgação da pesquisa do Datafolha que aponta que 75% dos brasileiros anseiam por mudanças na forma de governo, o PT, coloca no ar uma campanha muito inteligente, elaborada pelo marqueteiro João Santana (a pessoa mais importante do governo depois de Dilma). Esta campanha aposta no medo que todos sentem diante de mudanças, do desconhecido,  e vai além, ilustrando o passado (segundo o Evangelho do PT) e o presente.
Tem medo do futuro quem não entende o presente e suas conseqüências e quem não consegue visualizar cenários ou os futuros possíveis. Neste ponto esta afirmação pode parecer meio” teoria quântica “, mas entra aí a questão da estratégia ou da falta dela.
Deve-se deixar claro as conseqüências da atual política econômica do Governo, os erros cometidos e os resultados a médio e longo prazo, como por exemplo, o represamento de aumentos, o adiamento de alta de impostos para ajudar a cobrir os aportes do Tesouro Nacional na área de energia e previdência, a deficiência de talentos aliados à inexperiência na condução das políticas, as obras inacabadas e superfaturadas, a falta de transparência no diálogo com a sociedade e empresários para a tomada de decisões que evitem o comprometimento da atividade econômica , causada por um eventual racionamento de energia e por aí vai.
O brasileiro não pode dar-se ao luxo de continuar iludido e anestesiado pelo consumo desenfreado. Neste mês, o volume de saques da poupança superaram os depósitos. O ano de 2015 será difícil, ajustes terão que ser feitos, porém o impacto deles poderia ser menor se eles tivessem sido feito ao longo dos últimos quatro anos, gradativamente.
É muito cedo para começar o “canibalismo da oposição”, para mostrar quem é o melhor candidato, o vale-tudo, a pregação do voto útil como Marina fez em São Paulo.  Corre-se o risco de todos saírem enfraquecidos. Agora é hora de fortificar alianças e não cair nas armadilhas do governo, que entre outras estratégias gosta de dividir para conquistar.Cito como exemplo o convite ao ex-presidente Fernando Henrique Cardoso para comparecer ao congresso e falar sobre a descriminalização  das drogas ou declarações sobre programas sociais.
Registro aqui também duas observações para Eduardo Campos e Marina:
- A pregação do voto útil não é um bom discurso e éticamente questionável. É herança da inexperiência do brasileiro em exercer seus direitos democráticos, em uma época que houve uma manipulação brutal do eleitorado. Ninguém gosta disto .
- Eduardo Campos tem falado sobre o segundo mandato de FHC, comparando-o ao mandato de Dilma. Como economista, ele deveria ser o primeiro a evitar este tipo de comparação. Dilma não enfrentou a Crise financeira asiática ou a Moratória Rússia. Até que seria bom para ela poder ter um fato desta magnitude para justificar tanta bagunça, mas não tem. Estamos em um período de estagnação econômica pós-2008, mas outros países tem crescido bem mais que o Brasil Além disso, Eduardo Campos foi ministro do Governo Lula.











quarta-feira, 14 de maio de 2014

Ansiedade, o mal do século XXI

Todo mundo já sentiu ansiedade em algum momento da vida . A ansiedade é normal e inerente ao comportamento humano, uma vez que ela antecede momentos de perigo ou medo , de algo real ou imaginário. O problema é quando este sentimento torna-se freqüente ou aparece em grau elevado.
O estresse da vida moderna, onde absorvermos informações e temos que tomar decisões o tempo todo, aliado a acontecimentos marcantes, alterações hormonais ou fatores ambientais são apontados como causas do número crescente de pessoas diagnosticadas com Transtorno de Ansiedade Generalizada. Um fator curioso é que o estado ansioso pode apresentar tantas manifestações diferentes, podendo ou não aparecer em conjunto, que geralmente a pessoa não acredita que é somente a ansiedade que está por trás deles. Alguns pacientes relatam os seguintes sintomas: sudorese, taquicardia, dificuldade de concentração, irritação, inquietação, aumento ou diminuição na freqüência urinária, tonturas, diarréia,sensação de perda de controle entre outros.
Se a ansiedade estiver em níveis altos e não for tratada, poderá desencadear alguns outros transtornos, como por exemplo: problemas de relacionamento pessoal e profissional, fobia social, ataques de pânico, além do Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC).
Há vários tratamentos disponíveis, que passam pelo uso de medicamentos ou que utilizam outra abordagem. A Terapia Cognitiva ou Terapia Cognitiva Comportamental é uma linha de terapia breve, que utiliza estratégias e técnicas terapêuticas que tem por finalidade mudar padrões de pensamento o que faz com que o paciente sinta uma melhora mais rápida em comparação a outras abordagens. Lembre-se : “Cuidado com seus pensamentos, que podem tornar-se palavras, que podem virar ações, que podem virar hábitos...”
A yôga também traz excelentes resultados, pois alia o alongamento à meditação. Segundo a instrutora de yôga Rosely Baldini Carvalho, de São José do Rio Preto, o número de pessoas que buscam esta prática milenar  como tratamento auxiliar para controle da ansiedade tem aumentado bastante. Para ela, a ansiedade é o mal da sociedade moderna, que tem como prioridade o “ter” e esquece de “ser”, mudando o foco daquilo que é essencial. Dentro deste contexto, são oferecidas aulas diferenciadas, onde trabalha-se bastante a respiração.A mesma opinião é compartilhada pela instrutora de yôga Ana Junqueira, da Ana Junqueira Yôga, que também tem notado um aumento do número de pessoas que buscam suas aulas e que se queixam de ansiedade. Além de apresentar uma abordagem diferenciada para os alunos, com exercícios de relaxamento e respiração, ela também passa exercícios complementares que são muito úteis nas horas em que a ansiedade atinge o pico.

O importante é reconhecer que há algo errado e buscar uma solução. A ansiedade é controlável e o paciente não precisa abrir mão da qualidade de vida e da qualidade de seus relacionamentos.